domingo, 25 de agosto de 2013

Exame docente nos tribunais


Ministério da Educação e sindicatos de professores terminaram sem acordo as negociações da prova de acesso à carreira docente. Por isso, o secretário de Estado do Ensino Básico e Secundário, João Grancho, garantiu, no final das reuniões de ontem, que todos os contratados terão de realizar a prova, já a partir de janeiro de 2014, para poderem dar aulas.
Por ser o primeiro ano da aplicação da medida, os professores mais velhos, que tenham maus resultados, poderão concorrer às escolas. Segundo a proposta, os professores que tenham positiva ficam aptos a dar aulas e só repetem a prova passados cinco anos. No caso e terem negativa, não podem concorrer às escolas. Será cobrada uma taxa de inscrição na prova.

Para os sindicatos, a prova é ilegal – contraria o decreto lei que dispensa de avaliação os contratados que tenham tido na avaliação de desempenho pelo menos ‘Bom’ e representa um novo requisito para a profissão, não previsto na Lei de Bases do Sistema Educativo.
Por isso, vão recorrer aos tribunais para contestar a medida.

Noticia retirada daqui

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos