quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Concurso Escolar Jovens tradutores


Cerca de 3 000 estudantes do ensino secundário de toda a Europa, incluindo de Kalix, na proximidade do círculo polar árctico na Suécia, de Saint Martin, nas Antilhas, ou da Ribeira Brava, na Madeira, vão testar amanhã os seus conhecimentos linguísticos na terceira edição do concurso Juvenes Translatores. Este concurso de tradução, organizado pela Comissão Europeia e cujo nome significa «jovens tradutores» em latim, realiza-se simultaneamente em todas as escolas participantes da UE, a partir das 9 horas da manhã.
«O concurso de tradução para jovens constitui uma oportunidade há muito aguardada para testar numa situação real os conhecimentos linguísticos aprendidos na escola e para ter uma ideia do trabalho de um tradutor profissional», explicou o Comissário Europeu para o Multilinguismo, Leonard Orban. «Soubemos que o facto de terem participado em edições anteriores do concurso incentivou alguns concorrentes a enveredar pelos estudos linguísticos. São boas notícias, pois um estudo que será publicado brevemente indica que há boas oportunidades de emprego na indústria linguística, augurando-se-lhe um futuro brilhante».
O concurso deste ano foi lançado em Setembro, quando as escolas interessadas em participar se inscreveram. Dessas, foram escolhidas aleatoriamente 600 escolas, das quais 24 são portuguesas (ver anexo).
Cada escola seleccionada pôde inscrever no máximo cinco alunos, de 17 anos de idade, para efectuar um teste de tradução no dia do concurso. Estes alunos receberão um texto curto por correio electrónico de manhã e terão duas horas para o traduzir, tão fluentemente quanto possível, de uma língua da sua escolha para qualquer outra das 23 línguas oficiais da UE.
Após o teste, as traduções serão enviadas à Comissão para avaliação e classificação pelos tradutores da Direcção-Geral da Tradução. O júri do concurso seleccionará a melhor tradução de cada Estado-Membro e publicará os nomes dos vencedores no sítio web do concurso, no final de Janeiro de 2010.
Os dois anteriores concursos mostraram que os professores apreciam esta oportunidade para promoverem a aprendizagem de línguas estrangeiras. Os alunos aceitam o desafio, sentindo-se motivados por saberem que os alunos de outros países estão a traduzir o mesmo texto em simultâneo.
Tal como nas edições anteriores, todos os vencedores ganham uma viagem a Bruxelas para participar na cerimónia de atribuição dos prémios e receber o seu prémio. Está ainda por saber se esta oportunidade virá a influenciar os seus planos para o futuro.
Mais informações sobre o concurso de tradução: http://ec.europa.eu/translatores



Escolas portuguesas seleccionadas 
  • Agrupamento de Escolas José Sanches, Alcains
  • Clube Europeu e dos Direitos Humanos da Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares, Ribeira Brava, Madeira 
  • Colégio dos Órfãos do Porto, Porto 
  • Colégio Nossa Senhora da Assunção, Famalicão, Anadia 
  • Colégio Rainha D. Leonor, Caldas da Rainha 
  • Didáxis - Cooperativa de Ensino, C.R.L., Riba de Ave 
  • Escola Básica e Secundária de Aguiar da Beira
  • Escola Profissional Agrícola Conde de S. Bento, Santo Tirso
  • Escola Profissional de Felgueiras
  • Escola Secundária André de Gouveia, Évora
  • Escola Secundária Augusto Gomes, Matosinhos
  • Escola Secundária D. João V, Damaia
  • Escola Secundária da Baixa da Banheira, Vale da Amoreira
  • Escola Secundária da Cidadela, Cascais
  • Escola Secundária Damião de Goes, Alenquer
  • Escola Secundária de Alcácer do Sal
  • Escola Secundária de Francisco Rodrigues Lobo, Leiria
  • Escola Secundária de Vilela, Paredes
  • Escola Secundária do Castêlo da Maia, Santa Maria de Avioso
  • Escola Secundária Dr. Francisco Fernandes Lopes, Olhão
  • Escola Secundária Garcia de Orta, Porto
  • Escola Secundária Mouzinho da Silveira, Portalegre
  • Escola Técnica e Profissional do Ribatejo, Santarém
  • Externato de Penafirme, A-dos-Cunhados

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos