segunda-feira, 17 de novembro de 2008

Professores na rua contra a política educativa

Foram cerca de 20 mil os professores que este sábado se manifestaram, em Lisboa, contra a política de Educação do Governo. Muito aquém dos 120 mil da semana passada, mas com a mesma determinação e objectivos.

Organizada por dois movimentos independentes - a Associação de Professores e Educadores em Defesa do Ensino (APEDE) e o Movimento Mobilização e Unidade dos Professores (MUP) -, com o apoio de algumas estruturas sindicais (ENCOPROF e SPGL), a acção de protesto de ontem realizou-se precisamente uma semana depois da mega-manifestação convocada pelos sindicatos e que reuniu 120 mil professores em Lisboa. Ontem, foram só 20 mil (sete mil, segundo a PSP), mas os professores não desanimaram.

Francisco Trindade, coordenado da APEDE, garantiu "que o número de participantes não é o mais importante". "Não é possível fazer duas mega-manifestações no intervalo de oito dias", diz. Explicou que, apesar de os movimentos terem algumas divergências quanto às posições dos sindicatos, ambos têm o mesmo inimigo: a ministra da Educação.

Ilídio Trindade, coordenador do MUP, preferiu destacar a importância de "não se dar um palmo de terreno à ministra da Educação". "Se ela não muda, nós também não, na nossa determinação nesta luta", sublinhou.

Em causa está mais do que o modelo de avaliação. Os professores exigem a revogação do Estatuto da Carreira Docente, que "criou divisões entre os próprios professores", e a melhoria da qualidade do ensino público.

Os docentes "não querem negociar nada, mas sim, suspender e revogar", sublinhou José Rui Rebelo, professor de Filosofia na Escola Secundária de Barcelos.

À chegada à Assembleia da República, num palco devidamente montado e equipado para o efeito, ouviram-se os discursos de circunstância. No final, uma delegação de professores foi recebida pelo PSD, CDS/PP e Bloco de Esquerda, a quem entregaram um caderno reivindicativo.
FÁTIMA MARIANO

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos