domingo, 20 de julho de 2008

Ferreira Leite contra ausência de rigor na Educação


A líder social-democrata foi este sábado à festa de aniversário da Juventude Social-Democrata deixar renovadas críticas ao Governo socialista, desta vez apontando armas à "falta de rigor" e exigência na Educação e ao que considera ser uma política errada de juventude.
Na Figueira da Foz, perante muitos jovens militantes, Ferreira Leite começou até com uma promessa: que não iria falar do Governo para não "ensombrar a festa". Mas acabou por o fazer, sem reservas. Atirou contra uma política de subsídios, a que quis contrapor a necessidade de aposta no empreendorismo jovem, disparando ainda contra a ausência de políticas dirigidas de apoio à natalidade. A ameaça, disse, é o país chegar a 2030 sem juventude - melhor dizendo, com muitos mais idosos do que jovens.
De resto, da curta intervenção de ontem, fica a promessa de Ferreira Leite: "Nós vamos resolver o problema do país".
Antes da nova líder falou o presidente da JSD. Pedro Rodrigues, aliás, substituiu em larga medida Ferreira Leite, disparando directamente a José Sócrates. E as acusações foram várias: "Sócrates tem um problema patológico com a verdade", disse, apontando as promessas de não aumentar impostos - "não foi um, foram nove que aumentaram" - e da criação de 150 mil empregos. Mais ainda, acusou Sócrates de ser um "malabarista da comunicação, um homem de plástico", terminando a intervenção com o apelo da praxe: "Temos que derrubar este Governo que despreza a juventude", disse Pedro Rodrigues.
Pelo meio ficou o inevitável ataque à rival Juventude Socialista, acusada de "dizer sim a tudo" o que Sócrates pede. Para Ferreira Leite ficou o aviso: "Não somos como a JS."

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos